domingo, 19 de dezembro de 2010

Lavanderia


Talvez um dos lugares mais marcantes para se visitar, e o que chama atenção em todos os lugares que che passou, tanto em la higuera quanto em Vallegrande é o silêncio destes lugares, um silêncio mórbido, um silêncio que pede respeito, nem o canto dos pássaros se consegue ouvir.

A entrada pelo Hospital nosso senhor de malta já introduz um sentimento de que a história da guerrilha do Che na bolívia esta ali encrustada naquelas paredes, corredores e passagens. Um lugar quieto e com muito significado histórico. Passando o hospital fica uma imagem linda do Che, e do lado a carta que ele deixou a seus filhos. Mais acima fica a lavanderia onde seu corpo foi exposto depois de limpo pela enfermeira Susana Ocinaga que tive o prazer de conhecer.

Ao lado da lavanderia fica o morgue uma espécie do que chamamos aki no Brasil de necrotério, no morgue as mãos de Che foram decepadas, colocadas no formol e enviadas para Buenos Aires para conferirem as digitais. Ao lado do morgue uma frase de Bertold Bretch fantástica que parece
ter sido feita a pedido para Che, em frente a lavanderia um praça com nome de Che Guevara.

A lavanderia é muito bonita e bem cuidada, muitas inscrições, muitas mesmo, no chão em frente a ela escrito com pedras esta: CHE VIVE. O que também esta escrito no morgue conforme fotos no link abaixo. Uma visita imperdível para quem estuda ou visita Vallegrande.

fotos da viagem vallegrande a la higuera

https://www.facebook.com/robson.lemes.90/media_set?set=a.1706174753496.66202.1811867642&type=3

Fossa de tânia

Esta é a fossa onde foi encontrado os corpos de alguns combatentes do comandante Che guevara, juntamente com Tânia, fica bem próximo da fossa do Che, muito bem cuidado o local, silencioso e com um ar histórico muito interessante.

vale a pena a visita.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Fossa do CHE


A FOSSA DO CHE - Bem, quero lembrar que o local fica sempre com o portão fechado, portanto não adianta ir sozinho que não vai conseguir entrar, é preciso a presença de um guia que pega a chave no centro de vallegrande, no museu, e depois acompanha você até lá. Um lugar muito calmo, silencioso, um silêncio de respeito, aos corpos que ali foram enterrados, entre eles o de CHE GUEVARA, os ossos foram descobertos em 1997, 30 anos depois da morte de che.

Segundo o guia a fossa recebeu e recebe recursos de fora para manutenção, como Venezuela, Cuba, etc.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

VALLEGRANDE III


Um fato que marcou muito pra mim, talvez o que mais marcou durante a viagem, foi nas ruas estreitas e aconchegantes de vallegrande. Como ja estava ficando escuro, creio que era umas sete da noite, Adalid o guia me acompanhava até o hotel, a rua estava escura e cansado que estava não via a hora de chegar, quando estavamos a umas duas quadras do hotel percebi sentado na soleira de uma porta um senhor de idade com barba branca rala e roupas simples, ele tinha na mão um pedaço pão que por la é um pouco duro como se fosse uma bolacha, mas muito delicioso, então, o senhor este segurava o pão e quando nos viu quebrou aquele pedaço em dois e nos ofereceu um pedaço.

Realmente aquilo me marcou demais, um povo simples, humilde mas com um espírito tão grande de solidariedade, um povo que encanta pelo carinho e a mansidão de seus olhares, nos cinco dias que fiquei lá, não vi uma discussão, uma briga, um roubo, nada. Em momento algum tive medo, Vallegrande ou Santa Cruz de la Sierra são bem tranquilas, podem visitar sem medo.

domingo, 14 de novembro de 2010

VALLEGRANDE II


Muito linda cidade, além do que é possível ver no que diz respeito a CHE, conhecer Vallegrande é um prazer enorme e uma descoberta cultural incrível. A praça é linda, tem cheiro de povo, de cultura, música boliviana, banca de livros, restaurante el mirador onde almocei muito bem, a igreja, as ruas são apertadas mas aconhegantes, o mercado campesino é ponto de visita obrigatório.

Vejam mais fotos de VALLEGRANDE aki


Vídeo da vista do restuarante el mirador

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Vallegrande


http://www.orkut.com.br/Main#Album?uid=10175261710477736235&aid=1287584202

Em Vallegrande depois de descansar um pouco no hotel juanita, saímos para conhecer a cidade, eu e adalid (o guia). As ruas são apertadas, as casas antigas, mas embora algumas ruas dos arredores fossem de chão ainda assim eram limpas, fomos direto ao restaurante EL MIRADOR ali comemos bem, um bife muito bom e uma massa maravilhosa com carne de guisado e queijo, em seguida pela primeira vez experimentei a cerveja boliviana PACENA, muito boa, muito boa mesmo mas como tinhamos a tarde toda pela frente tomamos apenas uma e seguimos nosso trajeto.

Saindo do restaurante tem-se uma vista linda de Vallegrande, enxerga-se toda a cidade e a lavanderia onde Che Guevara foi exposto depois de transferido de La higuera.


sábado, 30 de outubro de 2010

Hotel em Vallegrande

Bem este foi o hotel que fiquei em Vallegrande, recomendo, muito bom hotel, limpo e com excelente atendimento. Hotel Juanita.

Para achar ele é fácil basta chegar n praça em Vallegrande, ao lado da praça tem uma igreja, a rua que fica em frente a igreja basta descer por ela e duas quadras depois fica o hotel.

Chegando em VALLEGRANDE


Depois de 6 horas de viagem chegamos a Vallegrande, finalmente, saímos de Santa Cruz De La Sierra as 3:30 da manha e chegamos a Vallegrande as 9 horas da manhã, fomos direto ao mercado para tomar um café, comemos pastéis de queijo mas com muito pouco queijo kkkkkkkk e batida de morango que tive de pedir apontando pois não sabia dizer morango em espanhol kkkkkk


depois do café fui para o hotel descansar e a uma hora da tarde saímos para começar as visitas a lavanderia do hospital, fosa do che, etc.
video

fotos da viagem vallegrande a la higuera

https://www.facebook.com/robson.lemes.90/media_set?set=a.1706174753496.66202.1811867642&type=3

domingo, 24 de outubro de 2010

Mairana



Mairana é uma pequena cidade exatamente no meio do caminho entre Santa Cruz de La Sierra e Vallegrande, fica a exatos 120 km de cada uma. Como o trajeto nao é nada agradável paramos um pouco para descansar e esticar as pernas o que foi interessante pois pude conhecer mais de perto o "mercado" deles que é feito na rua. Esticam uma lona e colocam pilhas de roupas em cima e passam o dia vendendo, além de sucos, maçãs, etc.

A foto acima resultou num fato curioso, pois eu não sabendo de nada simplesmente parei e tirei a foto da senhora sentada que vendia chás, ao passo que ela começou a me xingar e eu nao compreendia nem o porquê e muito menos o que ela dizia, graças a Adalid(guia) pude compreender a cena e ele me dizia rindo " no le gusta, no le gusta". Só depois fui entender a fundo que isso já vem desde a colonização quando tiravam fotos do povo nativo e ao mostrarem a eles se apavoravam achando que o homem branco havia roubado sua alma na fotografia, fato que existe ainda hoje.
Uma parada interessante sugiro a todos que forem que conheçam por um instante MAIRANA.

fotos da viagem vallegrande a la higuera

https://www.facebook.com/robson.lemes.90/media_set?set=a.1706174753496.66202.1811867642&type=3

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Chegada a Santa Cruz de la Sierra

Cheguei a Santa Cruz de la Sierra as 3:30 Am, tudo escuro e um estacionamento com poucos carros. Uma temperatura agradável mas com um ar seco. Em seguida peguei um táxi direto até Vallegrande. Até chegarmos a Santa cruz para então seguir para Vallegrande passamos por lojas, bares, postos com algumas coisas semelhantes ao Brasil.

http://www.orkut.com.br/Main#AlbumZoom?uid=10175261710477736235&pid=1287621920806&aid=1287584202$pid=1287621920806

Ah, no aeroporto mesmo ja fiz o câmbio do dinheiro, troquei reais por bolivianos, para ter uma idéia 7 bolivianos = 1 dólar e 1 dólar esta em torno de 1 real e 70 centavos.

fotos da viagem vallegrande a la higuera

https://www.facebook.com/robson.lemes.90/media_set?set=a.1706174753496.66202.1811867642&type=3

Rota do CHE






Este blog se destina a mostrar em imagens e textos a rota do che que foi feita por mim (Robson Lemes - robden@ibest.com.br) no mês de outubro de 2010.

Ainda em sanar dúvidas e ajudar no que for possível que outras pessoas façam esta rota.

Sistematicamente irei postando as fotos e o que vive e senti de Santa Cruz de La Sierra a La higuera.

fotos da viagem vallegrande a la higuera

https://www.facebook.com/robson.lemes.90/media_set?set=a.1706174753496.66202.1811867642&type=3